A partir de janeiro, Mina de Visitação estará fechada para manutenção

A Mina de Visitação Octávio Fontana estará fechada durante todo o mês de janeiro para a realização de uma manutenção geral. O serviço envolve profissionais que avaliam a estrutura das galerias, fiação elétrica e área de visitação do espaço. A equipe da Satc, que administra a mina, estará no local fazendo as verificações.

“Todas as semanas, durante o ano, a manutenção é feita. Mas em janeiro paramos para um serviço ampliado”, ressaltou o coordenador da Mina de Visitação Ari Azambuja.

Única mina de carvão mineral aberta à visitação no Brasil, a Octávio Fontana está instalada no bairro Naspolini, em Criciúma. Até novembro de 2017, o ponto turístico recebeu mais de 4,5 mil visitantes. São pessoas de Criciúma e também de outros estados que vêm conhecer mais sobre a história da cidade e da exploração do minério.

Conforme Azambuja, a Satc prioriza a segurança. “Nunca tivemos um acidente, graças a essas manutenções periódicas. Todo início do ano é feito uma manutenção de maior escala onde são trocadas peças e é feita a manutenção elétrica”, comentou.

Nos dias 24 e 31 de dezembro a equipe estará atendendo em horário diferenciado, das 9h às 12h. O ingresso custa R$ 14,00 (inteira) e R$ 7,00 (meia entrada).