Operários da economia comemoram data de reconhecimento

São mais de sete mil operários que auxiliam o Sul a pulsar, a não cessar o desenvolvimento e a construir o progresso. Nesta quinta-feira, 26 é comemorado o Dia do Trabalhador da Construção Civil. A data é alusiva ao padroeiro da construção civil, que é São Judas Tadeu, celebrado nesta semana. Um dia para lembrar de homens, e também mulheres, que optaram como profissão a de construir lares, empresas, vias, e infinitas utilidades a qual a função pode operar.

Para o presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Sul Catarinense (Sinduscon), Olvacir Bez Fontana, a construção civil é o motor da economia do Brasil. “O que mostra a relevância do trabalhador neste que é um dos setores mais importantes. Se a construção no Brasil está estagnada, a economia também estará. Por isso queremos ressaltar e homenagear todos os trabalhadores, pois sabemos a importância deles na construção de casas, escolas, vias, prédios, de uma cidade, de um país”, elenca.

Fontana também ressalta que os trabalhadores atuam em uma cadeia completa visando atender as maiores necessidades do ser humano. “Este trabalho manual é o que constrói abrigos para morar, empresas para trabalhar e estradas para caminhar. Tudo é canalizado neste setor que é a alavanca da economia do país e do Produto Interno Bruto (PIB). E ela existe graças a todos esses trabalhadores. Pedreiros, serventes, carpinteiros, marceneiros, enfim. São a peça fundamental de toda uma infraestrutura e que merecem todo respeito, pois nada se faz nada se constrói sem eles”, complementa.

Profissão de orgulho

Foi ainda na adolescência que Antônio Carlos da Silva, de 43 anos, morador de Criciúma, aprendeu a admirar a profissão e decidiu trabalhar na base da construção civil, onde segue até hoje. E é em meio ao cimento que vem o sustento de toda a família.

“Comecei aos poucos, sendo servente de pedreiro e atualmente sei fazer um pouco de tudo, graças à profissão que faz com a que gente descubra sempre uma coisa nova e procura se aperfeiçoar para atender o cliente em tudo que ele precisa. É muito gratificante passar por um lugar que ergui, ajudei a construir. Pretendo me aposentar com isso e tenho muito orgulho do que faço”, finaliza.

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.