Anúncio

Justiça devolve função de delegado para Carlos Emílio: “Foi um período de angústia, mas de aprendizado”

A Justiça reconheceu que a demissão de Carlos Emílio da Silva, via processo administrativo, da função de delegado da Polícia Civil de SC, estava equivocada e o conduz ao cargo novamente após quase uma década.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui

Anúncio

A decisão foi protocolada ontem, 18, no Diário Oficial do Estado e Emílio já começa a se preparar para retomada das atividades como delegado. Emílio, teve passagem atuante por várias cidades do Sul e a pedido do Portal Litoral Sul, encaminhou uma declaração sobre a decisão do Tribunal de Justiça de Santa Catarina. Leia na íntegra.

“Depois de oito anos, tenho a alegria de externar a todos a notícia de meu retorno aos quadros da Polícia Civil, em razão de decisão do Tribunal de Justiça de Santa Catarina que anulou o processo administrativo referente a minha demissão.

Foi um período difícil, de inevitável angústia e provação, mas também de alegrias, sobretudo pela demonstração de carinho e confiança sinceros de meus familiares e amigos, que sempre tiveram a certeza do meu caráter e forma de proceder e nunca deixaram de ter esperança.

Meu reconhecimento e profundo agradecimento a Deus, por ter dado fé e forças para suportar este período difícil, à minha esposa Daniela e aos meus filhos Carlos Henrique e Maria Luíza, que, pela proximidade, foram aqueles que compartilharam tudo e que sofreram igualmente as consequências da injusta demissão.

Reconhecer a força e a fé de minha mãe, dona Maria de Lourdes, que, com 92 anos, nunca deixou de acreditar na justiça e que, com a graça de Deus, está viva para receber com muita alegria esta notícia por ela tão esperada.

Com relação ao processo, destaco imprescindível trabalho, a dedicação e a competência dos advogados André Mello Filho e Ricardo Fagundes, como também a sabedoria e sensibilidade dos magistrados que procederam ao julgamento, que reconheceram as falhas havidas e anularam a injusta demissão.

Agora, esta triste página foi virada, entretanto, esta experiência trouxe um grande aprendizado para a vida, importante para nos fortalecer ainda mais para seguirmos adiante com mais foco, dedicação e responsabilidade, respeitando a todos e valorizando a família, a amizade sincera e a confiança na Justiça.

Carlos Emílio da Silva, Delegado de Polícia Civil | Estado de Santa Catarina”

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo. Inscreva-se agora!

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.