[VÍDEO] Voluntários se unem pelo WhatsApp para ajudar famílias de Sangão

Durante as fortes chuvas que atingiram o município de Sangão na última sexta-feira, 24, logo se deu início a campanhas para arrecadar donativos e recursos para ajudar as vítimas. O temporal que caiu sobre a cidade foi considerado o mais forte dos últimos tempos, deixando famílias desabrigadas e causando grande destruição. Inclusive a cidade está sem água, o que dificulta qualquer recuperação de materiais em muitas casas.

Voluntária Carminha arrecadou donativos em seu condomínio e levou as doações até a Igreja Betel

Um grande gesto de solidariedade é organizado pelo psicóloga, Josiane Souza, que atualmente reside em Joinville, mas que morou em Sangão por 30 anos. Ela montou uma corrente da solidariedade via WhatsApp e vem pedindo apoio para grupos de amigos em Criciúma, Tubarão e Joinville. De longe com a ajuda de sua mãe, amigos e o pastor Alex Sandro da Igreja Batista Betel de Criciúma, ela coordena a campanha e direciona para quem deve ser encaminhado os donativos.

“Minha família toda mora em Sangão e lá, também tenho muitos amigos. Tenho chorado desde o dia da catástrofe que se abateu sobre a minha pequena cidade, que carrego no coração. Hoje mesmo longe estou diretamente apoiando essa causa nobre e digna de muita ajuda. Toda ajuda será bem-vinda, pois há famílias totalmente desabrigadas e inúmeras delas que perderam tudo, desde móveis até os talheres”, fala emocionada.

Que tipos de doações

Móveis, utensílios de cozinha, materiais de limpeza, materiais de higiene pessoal, fraldas, roupas de bebê, crianças, roupa de cama, cobertores, colchões, alimentos podem ser doados. O responsável por buscar os donativos é uma equipe mobilizada pelo pastor, que leva todas as doações para a igreja e lá é feita a distribuição.

 Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui 

Josiane conta que muita pessoa tem ajudado, tanto que ontem já foram realizadas entregas em algumas localidades de Sangão, como a região central do município, campo do Sangão, Morro Grande e bairros próximos. “Está sendo um trabalho lindo e muito gratificante a todos os envolvidos”, fala Josiane satisfeita.

Onde podem ser feitas as doações

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.