Anúncio

Grávida morta a tiros foi agredida pelo ex há 40 dias; acusado está preso com o irmão

A morte de uma zeladora de 31 anos – que estava grávida de sete meses, já teve um prenúncio da tragédia há alguns dias. A vítima foi agredida pelo ex por volta de 40 dias atrás e como a ocorrência foi doméstica foi realizado um BO contra o agressor. Mas, não satisfeito, o pedreiro de 32 anos, arquitetou um plano com o irmão para acabar com a vida da ex-companheira.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui

Anúncio

O motivo da agressão e o que levou o homem a cometer o crime não foram relevados. “Ele ficou em silêncio durante o depoimento”, comenta o delegado Luiz Otávio, da Delegacia de Sombrio. O acusado foi preso pela Polícia Rodoviária Federal na tarde desta quarta-feira, 14, horas depois de ter fugido da cena do crime rumo à  BR-101.

Pegos em Itapema, o assassino e seu irmão, foram encaminhados para Sombrio onde aguardam vaga no sistema prisional para cumprir prisão preventiva. O irmão do acusado ajudou o agressor tanto na fuga como para trazer até Sombrio. O Ford/Ka estava alugado no nome do irmão do assassino. “Ele trouxe o acusado e depois esperou para a fuga. Mas, ele nega envolvimento no caso”, conclui Luiz Otávio.

Relembre:

Grávida é morta a tiros em Sombrio; em tentativa de fuga, autor do crime é preso na BR-101

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo. Inscreva-se agora!

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.