Cuidado: clonagem do WhatsApp faz vítimas na região; saiba como prevenir

Repasse para seus amigos utilizando os links abaixo

Um golpe que utiliza o aplicativo WhatsApp e já existe há, pelo menos, dois anos, tem causado problemas na região Sul Catarinense. A clonagem do sistema, que permite que criminosos se passem pelas pessoas que tiveram os dados roubados para solicitar depósitos em dinheiro a amigos e contatos. Por isso, algumas orientações podem ajudar a evitar que outras pessoas passem pela mesma situação.

 Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui 

Uma das vítimas, que não quis se identificar, contou que fez um anúncio de venda de um carro na internet. “Fui à polícia e me informaram que o suspeito pode ter enviado um arquivo mal intencionado após obter meu contato no site”, comentou.

Em outro caso, também registrado no Sul do Estado, um homem teve sua conta do WhatsApp clonada e utilizada para pedir a um amigo que depositasse uma quantia em dinheiro para que pagasse um suposto serviço de guincho.

Sinal de perigo

Uma das formas utilizadas pelos golpistas exige a confirmação de um código de segurança, enviado por SMS. Por isso, uma das orientações para evitar problemas é nunca repassar nenhuma informação desse tipo, seja por telefone, e-mail ou através do próprio WhatsApp.

Para coibir novos casos, a empresa inseriu um alerta nessas mensagens, para que o usuário não compartilhe o código recebido. De acordo com o Correio do Povo, o sistema sugere avisar amigos e familiares para evitar golpes.

A mudança já está disponível em sistemas Android e deve ser aplicada, em breve, a dispositivos que utilizam iOS.

Repasse para seus amigos utilizando os links abaixo

#clonagem, #Whatsapp, crime, golpe, home_destaque, tecnologia

Repasse para seus amigos utilizando os links abaixo
Repasse para seus amigos utilizando os links abaixo