Homem é condenado a 15 anos e meio de prisão por assassinato de madrasta

Um homem foi condenado a 15 anos e seis meses de reclusão, pelo assassinato da madrasta, de 40 anos. O crime ocorreu em junho de 2017, no bairro Raichaski, em Içara, e a Sessão do Tribunal do Júri foi realizada nessa quinta-feira (23).

 Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui 

Na data do crime, o autor ainda tentou cometer suicídio, mas a arma não funcionou.

O Conselho de Sentença descartou o feminicídio, mas reconheceu o homicídio qualificado por dificuldade de defesa da vítima, além da posse ilegal de arma de fogo. Além disso, o acusado foi condenado a pagar uma multa de R$ 343,56.

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.