Tencati enaltece resultado e reconhece dificuldades com expulsões

Criciúma empatou com Botafogo-PB na noite desse sábado, dia 16, no Heriberto Hülse

Diante do empate contra o Botafogo-PB na noite deste sábado, dia 16, o técnico do Criciúma, Claudio Tencati, enaltece o resultado do jogo mesmo com as dificuldades enfrentadas com a expulsão de dois atletas. A partida aconteceu no estádio Heriberto Hülse, válida pela 3ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui.

“Diante das proporções, nós tínhamos um planejamento voltado para esse jogo e logo no início fugiu do controle com a expulsão de um atleta. Tive que modificar o posicionamento, se reencontrar para defender e atacar. Sofremos um pouco em alguns momentos, depois reequilibramos”, explica Tencati.

No segundo tempo, o técnico carvoeiro considera que a equipe voltou a jogar bem. Mesmo com a segunda expulsão, os jogadores demonstraram vontade de querer vencer. “Os planos que a gente tinha feito no vestiário de uma mudança estratégica foi por água abaixo. Ficamos com dois jogadores a menos e tivemos que nos defender bastante. Mas estou muito contente pela disciplina da equipe, foco e o nível de concentração que tiveram para manter o resultado”, ressalta.

Para Tencati, a decisão do árbitro na expulsão do meia Dudu Vieira, no primeiro tempo de jogo, prejudicou o desempenho do time. “Não era lance para expulsão, o árbitro foi muito rígido. O Dudu procurou a disputa da bola, o árbitro poderia ter conduzido diferente. Era pra cartão amarelo aquele lance”, argumenta.

Mesmo com a chuva, 3.794 torcedores compareceram ao Majestoso para vibrar com o Tigre. O técnico agradeceu a torcida carvoeira e afirma que a energia que veio da arquibancada foi o que manteve o time concentrado.

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.