Museu do Imigrante conta com reserva técnica

Mais de 400 objetos já ocupam o espaço dispostos no segundo piso do museu

O Museu do Imigrante Cônego Miguel Giacca, em Nova Veneza, já conta com uma reserva técnica. O ambiente do segundo piso do prédio, que nos últimos anos passou por reformas e adequações, será destinado para guardar todos os objetos que não estão em exposição para visitação. O projeto foi aprovado pelo Prêmio Elisabete Anderle, em 2019, mas por conta da pandemia, as atividades foram adiadas e a implantação ficou para este ano.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui.

O responsável pelo espaço, o museólogo Leonardo Hermes Lemos, conta que a conclusão do espaço é de extrema importância para a manutenção da história do município. “Com esse novo local, conseguimos otimizar o espaço físico do museu e assim receber mais objetos que contem a nossa história”, destaca.

Além dos 400 objetos que o ambiente abriga, o acervo vai abrigar fotografias e documentos. “Estamos, também, com um projeto para catalogar e identificar cada item e saber a história dos objetos e de que família pertenceu esse material”, destaca o museólogo.

A Secretária de Cultura, Esporte e Turismo, Carolina Ghislandi, comenta a necessidade do município contar com mais esta ferramenta a favor da cultura e turismo da cidade. “O espaço contribuirá para a preservação do acervo. Além de ser um local, futuramente, para estudos e pesquisas, porque vamos conseguir digitalizar e identificar cada material”, ressaltou.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo. Inscreva-se agora!

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.