Morre o maior ídolo do futebol argentino, Diego Maradona

De acordo com o jornal Clarín, morreu nesta quarta-feira, 25, um dos maiores ídolos da história do país, Diego Armando Maradona Franco, 60 anos, craque de futebol que ficou famoso por sua genialidade dentro de campo e sua personalidade expansiva e controvertida fora dele.

Maradona sofreu uma parada cardiorrespiratória em sua casa em Tigre, segundo o jornal argentino. O ex-jogador sofreu uma delicada cirurgia no cérebro no começo do mês e recebeu alta oito dias depois.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui

Campeão mundial na Copa de 1986, quando ficou eternizado pelos gols que marcou contra a seleção da Inglaterra, o craque argentino passou recentemente por uma cirurgia para drenar uma pequena hemorragia no cérebro.

O médico Leopoldo Luque afirmou na ocasião que a cirurgia era considerada simples, mas havia preocupação pela condição de saúde do ex-jogador.

 

Por G1 e R7

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo. Inscreva-se agora!

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.