Defesa do Consumidor: Compras online disparam e golpes acompanham crescimento

A pandemia do Coronavírus acabou acelerando alguns processos. O que antigamente era realizado de modo muito tímido, hoje é o novo normal. O comportamento dos consumidores também acabou mudando. As compras online passaram a ser realizadas com mais frequência. Com isso, cresce também o número de golpes na internet.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui.

Segundo o coordenador do Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) de Criciúma, Gustavo Colle, só no Brasil, o e-commerce apresentou um crescimento de 47% no mês de abril. Os clones em cartões de crédito e compras em sites que não existem, foram um dos problemas mais enfrentados pelos compradores.

Antes da pandemia, as reclamações de empresas de telefonias eram as mais comuns. Atualmente, as relacionadas ao comércio eletrônico, cresceu disparadamente.  “Quando temos uma demanda maior de compras pela internet, a probabilidade de ter maior reclamações aumenta. Isso aconteceu na pratica em todo o Estado e tem aumentado bastante”, relata o Secretário de Defesa do Cidadão de Florianópolis, Gabriel Meurer, em visita ao Portal Litoral Sul.

Na hora da compra online alguns cuidados devem ser tomados para evitar as fraudes. Conferir se o site que está sendo realizado a compra é confiável, se ele tem reclamações nos órgãos de defesa do consumidor e Reclame Aqui, se o site tem endereço físico. Essas são alguns cuidados que Meurer orienta que os consumidores tomem na hora da compra.

Gabriel Meurer, de 36 anos, popularmente conhecido como Gabrielzinho, é morador de Florianópolis e atua na área de defesa do consumidor há cerca de 18 anos. Iniciou sua carreira como estagiário no Procon do município em 2003. Em 2018 ingressou na carreira política e foi eleito como vereador, com 3,6 mil votos. Atualmente, atua como Secretário Municipal de Defesa do Cidadão.

Palestra sobre Direito do Consumidor

Gabriel irá participar de uma palestra nesta quinta-feira, dia 17, às 19 horas com o tema: “Direito do Consumidor/Pandemia e Comércio Eletrônico – Como Resguardar os Seus Diretos”. O evento será realizado no Auditório Ruy Hulse da Universidade do Extremo Sul Catarinense (Unesc) e de forma remota, através deste link.

O objetivo será discutir os reflexos da pandemia no mundo digital e porque devemos estar atentos ao Direito do Consumidor. Promovido pelo Procon de Criciúma, em parceria com o Ministério Público, Defensoria Pública, OAB, Unesc, Procon Estadual, Fórum dos Procons de Santa Catarina e Comdecon.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo. Inscreva-se agora!

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.