Vigilância Sanitária de Siderópolis adverte clínica interditada com auto de infração

Medida é um desdobramento mediante ao descumprimento do prazo de 72 horas dado para a realocação dos internos

Clínica interditada em Siderópolis é advertida com auto de infração

A Vigilância Sanitária de Siderópolis realizou uma nova vistoria, na última terça-feira,16, nas instalações da clínica que abrigava dependentes químicos e que estava em situação irregular na localidade de São Martinho.  O objetivo foi de verificar o cumprimento da interdição do local, realizada na última sexta-feira, dia 12, bem como o encaminhamento dos internos aos locais devidamente licenciados que deveriam ser redirecionados pela instituição.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui.

Foi constatado que dos 52 internos listados no momento da interdição,  seis permanecem no local, descumprindo a determinação da autoridade de Saúde. Foi lavrado o Auto de Infração ao representante legal da instituição. Conforme o documento de interdição, compete ao representante legal do estabelecimento a obrigatoriedade do encaminhamento dos internos remanescentes à locais devidamente licenciados, sem prejuízo das demais sanções administrativas.

Dos 52 internos identificados em situação degradante, apenas dois eram do município de Siderópolis e já não se encontram mais no local. Os demais eram de Araranguá, Armazém, Capivari de Baixo, Criciúma, Cocal do Sul, Gravatal, Imbituba, Itajaí, Laguna, Nova Veneza, Palhoça, Sangão, São José e Tubarão.

Clinica clandestina é interditada em Siderópolis

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo. Inscreva-se agora!

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.