[VÍDEO] “Nova camisa do Criciúma resgata a paixão do torcedor pelo time”, diz o diretor de operações comerciais e marketing do clube, Júlio Remor

Repasse para seus amigos utilizando os links abaixo

Com a classificação do Criciúma Esporte Clube, para a nova fase do Campeonato Catarinense, a diretoria do clube, lançou na manhã desta sexta-feira, 31, uma nova camisa. Em entrevista ao Portal Litoral Sul, o diretor de operações comerciais e marketing do time, Júlio Remor, fala sobre a camisa, voltada para a história de nossa cidade, história e região.

Portal Litoral Sul- Conte sobre a ideia de lançar a camisa na cor preta. Como surgiu essa ação de marketing?

Diretor de operações comerciais e marketing – Júlio Remor-  A proposta da camisa preta já é antiga, desde que optamos em construir a marca própria de uniforme esportivo na virada do ano, a Garra 91. Essa decisão já era visando essa permissão de criar ações como esta, ou seja, criar campanhas, camisas mais personalizadas, mais engajadas e voltadas para a nossa cidade, história e região.

Quando tens um patrocinador tradicional de material esportivo, o modelo comercial é muito engessado, eles fazem a entrega do material e depois não tem como fazer essa construção. Já sabíamos de muitos pedidos da torcida pela camisa preta, o clube já havia feito isso e foi um sucesso de venda e a partir de março, começamos a trabalhar isso. O trabalho foi feito aos poucos, em discussão com a loja, empresa e torcedores, onde fomos buscar esse orgulho de sermos carvoeiros.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui

Isso já foi um motivo de chacota, piada, onde as torcidas adversárias chamavam de papa carvão, pé preto, pé de coque de forma pejorativa, mas com o sucesso do clube, com as conquistas isso foi se tornando um orgulho e a gente bateu no peito e disse: “Sou carvoeiro sim, senhor”, com orgulho.

Essa camisa busca valorizar a situação do carvão que ajudou a construir nossa cidade, das minas, do trabalhador do carvão, mas também dessa situação do orgulho do torcedor em dizer que é carvoeiro. E orgulho de estar na cidade onde tem o melhor time de Santa Catarina.

Portal Litoral Sul- Essa camisa passa a ser oficial do Criciúma

Júlio Remor -Ela é oficial número 3. A Tricolor é a número 01, a branca 02 e essa a número 03. Não é uma camisa de colecionador e que tem edição limitada, ela estará na loja enquanto estiver a coleção 2020.

Portal Litoral Sul – O lançamento envolta emoção, resgate, tem o apelo de trazer novamente a torcida do Criciúma?

Júlio Remor -Sem dúvidas. Primeiro o torcedor se fasta pelo resultado esportivo e tem os muito apaixonados que continuam presentes no clube, mesmo com o resultado ruim, mas o resultado positivo é fundamental. Somado a isso, vem a pandemia que não permite que os torcedores acessem ao estádio para assistir aos jogos, como também essa insegurança jurídica do campeonato. Tudo isso foi afastando a torcida e o futebol sai um pouco da pauta. Então a gente precisava trazer uma camisa, mas se fosse uma camisa normal cairia no esquecimento. Nós precisávamos trazer um conceito que foi trabalhado desde a segunda-feira, onde unimos carvão, futebol e torcida. Hoje tem muita gente querendo ver a camisa. Temos certeza de que será sucesso de venda.

 

Portal Litoral Sul- Com a saída do presidente no final do ano, que análise você faz do Criciúma na área comercial a partir de 2020?

Júlio Remor -De forma muito inteligente, a GA tem que notificar o clube da rescisão seis meses antes e isso é muito importante, por que dá tempo do Conselho Deliberativo, acelerar a transição. Por mais que nossa atual gestão fique até o final do ano ou até janeiro a final temporada, já estão acontecendo conversas pra transições. A partir do momento que encerrar essa gestão, nós já teremos trabalhado alguns dias, semanas e meses com a nova gestão para que as coisas tenham continuidade. Então obviamente vamos trabalha e ajudar a nova gestão para que as coisas tenham continuidade. Vamos ajudar a nova gestão até com o contato com os patrocinadores, mostrando como funciona o mercado, como é a relação com a torcida, estaremos lá para ajudar. O presidente Jaime Dal Farra pediu para que a gente faça a transição da forma mais transparente e tranquila possível e é isso que estamos fazendo.

Portal Litoral Sul- Onde o torcedor por encontrar a camisa do Criciúma?

Júlio Remor – A camisa já pode ser adquirida na loja virtual https://tigremaniacos.com.br/, pelas redes sociais da loja ou pelo WhatsApp: (48) 99149-5734. Na loja física, localizada no Estádio H.H. estará disponível a partir de sábado, abrindo às 08h30 com horário especial estendido até as 18 horas.

No valor de R$169, 90, o torcedor pode personalizar na hora, com número, nome, com letras em dourado. E para os sócios em dia um brasão especial com os dizeres: “Eu nunca vou te abandonar”. Pelo QR Code que está na etiqueta dá acesso aos bastidores da gravação.

 

 

Vídeo:

 

 

 

Repasse para seus amigos utilizando os links abaixo

#Camisa, Criciúma EC, Julio Remor, Paixão

Repasse para seus amigos utilizando os links abaixo
Repasse para seus amigos utilizando os links abaixo