[VÍDEO] Imóvel abandonado vira moradia e ponto de consumo de drogas no São Luiz

Um terreno baldio tomado pelo mato onde há uma construção abandonada, no bairro São Luiz, é utilizado como ponto de encontro e até mesmo moradia de usuários de drogas. Localizado entre as ruas Carlos Pinto Sampaio e Nilo Peçanha, moradores cobram ações do proprietário.  “Estamos bem preocupados com esta situação. É um entra e sai de pessoas usando drogas”, lamenta a presidente da Associação de Moradores, Nair Nazário.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui.

No local, antes funcionava a Associação da Eliane, inclusive segundo Nair, o espaço sempre foi muito bem frequentando e utilizado para eventos. “Já faz mais de dez que está nesse abandono. Uma pena estar assim nestas condições. Poderia ser aproveitado para lazer”, sugere ela que reside no bairro há mais de 50 anos.

Conforme o sargento Edno Carmélio Dutra, responsável pelo setor 06 que abrange o bairro São Luiz e adjacentes, diversas abordagens são feitas naquela região, sendo a maioria por furtos. “Geralmente são pessoas de outros estados. Eles vêm pra cá, por Criciúma ser uma cidade solidária”, acredita.  “A maior preocupação em ter no bairro este terreno abandonado, é que próximo dele, será construída uma creche para 700 crianças. Antes de começar a obra é preciso resolver esse problema”, diz ele.

O coordenador Municipal de Proteção e Defesa Civil (Compdec), Fred Gomes, informou que foi enviada uma equipe  ao local e já avaliou o caso. Ainda segundo ele, o proprietário  foi localizado e o mesmo, se prontificou a realizar as melhorias necessárias no terreno. “Até a próxima semana as possibilidades do que será feito  serão vistas”, garantiu.

Proprietários devem tomar providências

Um trabalho entre a Polícia Militar, Defesa Civil e a Prefeitura de Criciúma está sendo feito para verificar as construções abandonadas no bairro São Luiz e solicitar aos proprietários a tomarem providências, como a limpeza ou  demolição do imóvel. “Um imóvel na Avenida Santos Dumont já foi autorizado para ser demolido”, comenta o sargento.

A limpeza de terrenos particulares deve ser feita pelo proprietário. Em caso de denúncias, os moradores podem ligar para o telefone 156.

Vídeo:

 

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.