Via Gastronômica da Acic tem nova diretoria

Nova gestão projeta inúmeras ações, como o lançamento de um Mapa Gastronômico

A Via Gastronômica da Associação Empresarial de Criciúma (Acic) conta com uma nova diretoria. A gestão do núcleo da entidade empresarial fica a cargo do empresário Joster Favero, como presidente, acompanhado de Marcelo Ribeiro da Costa, tesoureiro, Miguel Angelo Mastela, secretário, e Leandro Vettorazzi, diretor comercial. O grupo comandará a entidade pelos próximos dois anos.

A nova diretoria assume diante de inúmeros desafios, especialmente provocados pela pandemia, e com projetos e ações que prometem alavancar e fortalecer o segmento na cidade.

“O ano de 2020 foi de desafios e de uma tensão constante. Um divisor de águas para todos os segmentos econômicos. Porém, para a gastronomia, que vive do atendimento presencial, foi um ano de reinvenção, oferecendo novas tendências de consumo, como o delivery, por exemplo. Ainda assim, consideramos o saldo muito positivo para a Via Gastronômica como entidade. Encabeçamos todas as negociações com o Poder Público Municipal, levando as pautas do setor.  Saímos fortalecidos enquanto estrutura e organização representativa”, considera o presidente da Via Gastronômica de Criciúma, Joster Favero.

Ações e projetos

Para 2021, a atuação já está planejada e os trabalhos iniciados, com a primeira reunião do ano promovida durante a última semana. “Teremos quatro projetos muito fortes para este ano. O incremento no quadro de casas associadas, a elaboração do Mapa Gastronômico de Criciúma, a manutenção do Festival Gastronômico, e a principal bandeira de trabalho, tornar a Via uma organização de utilidade pública para que possamos buscar fontes de captação de recursos e ampliar o leque de atuação”, detalha Favero, reforçando que, durante o mês de fevereiro, um evento será realizado para apresentar e lançar os projetos da nova gestão à comunidade.

Joster Favero – Foto: Deize Felisberto/Acic

Conforme o novo presidente, o fortalecimento na divulgação da Via Gastronômica também terá uma atenção especial e é um dos objetivos deste encontro que será promovido.

“Apesar de termos cinco anos de atuação na cidade, precisamos ampliar nossa divulgação com a sociedade.  Ainda temos a projeção de lançar o festival gastronômico, se não for possível para 2021, por conta da pandemia, mas para 2022, em um formato diferenciado. Queremos promover, contando com o apoio do Poder Municipal, o evento aberto ao público, com local específico, entrando para o calendário de entretenimento da cidade”, revela.

Potencial para o turismo de negócios

Um dos grandes diferenciais de Criciúma, de acordo com o empresário, é a vocação para o turismo de negócios, que deve ser explorado nesta gestão. “Somos um polo ceramista, confeccionista e varejista. Algumas das maiores redes de supermercados do país e do Estado são de Criciúma. Isso proporciona um turismo de negócios rotativo semanal, com um número expressivo de pessoas circulando, mas que busca, muitas vezes, opção gastronômica nas cidades vizinhas”, observa Favero. Para ele, falta fortalecimento na promoção da divulgação de todo esse diferencial.  “Precisamos que o público que chegue na cidade passe a frequentar a nossa gastronomia. Qualidade e variedade de sabores temos de sobra”, conclui.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo. Inscreva-se agora!

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.