Anúncio

Trem de Ferro: quando um legado permanece pós morte

Familiares entregam equipamentos de Jair Cardoso a integrantes da banda e pedem que os shows continuem

“Trem de ferro precisa continuar”. Esse foi o pedido do vocalista e fundador do grupo Trem de Ferro, de Siderópolis, Jair Cardoso, falecido em dezembro de 2020. Uma reunião com a namorada, filha, irmão e integrantes do Trem de Ferro oficializou a entrega de equipamentos musicais que pertenciam ao músico para a banda.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui.

Anúncio

O encontro aconteceu no Balneário Rincão e teve como objetivo, além da entrega dos equipamentos, o de realizar de forma oficial o pedido, para que a banda fundada por Jai, como era chamado pelos íntimos, não parasse de alegrar as pessoas com muito samba.

A decisão de entregar os equipamentos partiu da namorada Izabel de Souza e da filha Brigitte Cardoso Ronchi. “A entrega desses equipamentos tem um significado muito importante: o samba não pode morrer e o Trem de Ferro vai continuar alegrando as pessoas. Só gostaria de ficar com os violões do Jair pois significa para mim a alegria que ele passava para nós quando tocava”, conta Isabel.

Durante entrega, a filha de Jair aproveitou a oportunidade para agradecer aos amigos do pai. “Só queria dizer que meu pai foi muito feliz com vocês”.

Pedido feito, pedido aceito

Lúcio Flávio da Luz, mais conhecido como Flavinho, integrante do grupo, destacou a importância da entrega dos equipamentos. “Uma ação dessas nos compromete. O pedido do Jai precisa ser atendido. O Trem de Ferro não pode parar” afirmou.

Para Rosemar Romoaldo Rosa, o Kika, vocalista e guitarrista da banda, apesar das circunstâncias, a iniciativa é gratificante. ” Estaremos aqui. Trem de Ferro é um grupo de amigos, depois é um grupo de música, mas fundamental é a relação de amigos que fizemos durante esses anos todos. Então em Fevereiro vamos começar a ensaiar e vai acontecer isso que o Jai desejava. Sempre vamos estar com ele em nossa roda de samba”.

Tributo a Jair Cardoso

Amigo de Jair Cardoso e motivador do grupo, Mário Ari Vieira, disse que Jai vai continuar vivo na memória. “O Trem de Ferro sempre reuniu pessoas, alegrava a todos com suas músicas. Um dia, falando sobre tributos musicais, Jair me disse que achava isso muito legal. Então em março vamos promover um tributo a Jair Cardoso” comentou.

Finalizada a entrega e o pedido realizado tendo sido aceito, o irmão de Jair, Zeca Cardoso, fez questão de frisar que com toda certeza o irmão estará presente com o grupo em cada apresentação.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo. Inscreva-se agora!

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.