Tigre perde na estreia da Série B

A Série B começou para o Criciúma nesta sexta-feira, 13, no estádio Olímpico Pedro Ludovico, de Goiás contra o Atlético Goianiense. O Dragão começou mal o Campeonato Goiano e só reagiu após a contratação do técnico Cláudio Tencati, mas foi eliminado na fase de grupos. Do mesmo modo foi o inicio da temporada do Tigre, que passou boa parte do Catarinense na zona de rebaixamento e só melhorou com a chegada de Argel Fucks. A equipe reagiu e terminou a competição em quarto lugar. A esperança de ambos era iniciar a Série B com o pé direito para apagar o inicio do ano, e pelo menos no início da partida, o Tigre mostrou que quer fazer bonito na competição.

Aos 19 minutos do primeiro tempo Mailson sofreu falta e João Paulo cobrou com categoria, abrindo o placar para o tricolor. Na sequência o próprio Mailson avançou com velocidade, entrou na área, mas pegou mal de esquerda. O Atlético respondeu nas cobranças de falta de Tomas Bastos. A primeira desviou em Rômulo e passou perto da meta de Luiz, e a segunda também desviou e explodiu no travessão. Até que a insistência deu certo aos 41 minutos. Andrew cedeu contra-ataque e a bola sobrou para o atacante Tito, livre para empatar.

Uma noite para Andrew esquecer

As equipes voltaram para a segunda etapa sem alterações, e o Dragão disposto a virar a partida. Logo aos 2 minutos Christyan fez tudo certo, mas na hora de finalizar foi fominha e perdeu a chance enquanto seu companheiro estava livre para marcar. Em seguida, o Atlético conseguiu a virada. Novamente Andrew furou e Tito não perdoou, bateu com qualidade na saída de Luiz para fazer seu segundo na partida. E o atacante do Atlético estava gostando do jogo, em cobrança de escanteio aos 12 minutos, ele subiu alto e por pouco não fez seu terceiro. Para a tranquilidade carvoeira, o autor dos gols rubro-negro foi substituído aos 21 minutos.

O técnico Argel também fez sua troca ofensiva. Mailson saiu para a entrada do estreante Nicolas, recém-chegado ao Tigre, e o atacante quase empatou de cabeça aos 29 minutos. Mas o time da casa estava empolgado, Tomas Bastos em um chute forte obrigou Luiz a fazer grande defesa. O jogo então ficou aberto, o Criciúma foi para cima e cedeu contra-ataques, aos 38 Tomas Bastos ficou livre para ampliar.

Reação tardia

Nos acréscimos o Tigre ainda encontrou forças para diminuir o placar. Primeiro, uma chance aos 46, Andrew finalizou e a bola bateu na mão de Bruno Santos dentro da área, mas o árbitro Jean Pierre Gonçalves Lima nada marcou. E no apagar das luzes, aos 49 minutos, após cobrança de escanteio, a bola sobrou para Sueliton marcar.

A vitória de 3 a 2 fez com que o Atlético Goianiense ficasse no topo da tabela, enquanto o Tigre estreia na zona de rebaixamento da competição. O próximo adversário do Criciúma na Série B será a Ponte Preta, no sábado, 21, a partir das 19 horas no estádio Heriberto Hulse.

 

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.