Servidores municipais de Criciúma fazem paralisação nesta terça-feira

A concentração acontece a partir das 7 horas, no pátio de máquinas, na Rodovia Luiz Rosso, bairro Primeira Linha

Os servidores municipais de Criciúma, programam uma paralisação para manhã desta terça-feira, 18. A concentração acontece a partir das 7 horas, no pátio de máquinas, na Rodovia Luiz Rosso, bairro Primeira Linha.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui.

De acordo com a presidente do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Criciúma e Região (Siserp), Jucélia Vargas, a categoria solicita o repasse da inflação do último ano para o magistério, melhoria no salário dos eletricistas, mudança na base de cálculo da insalubridade, mudança na lei que desconta algumas questões no atestado médico entre outros direitos.

Jucélia ainda afirmou que a quantidade de servidores que devem aderir à paralisação ainda não foi contabilizada, mas que todos foram convocados. “Quantos irão comparecer, só amanhã iremos saber, mas o importante é o movimento que está sendo criado de indignação e de respostas aos ataques do prefeito. Pode não ter greve geral, mas com certeza, muitos atos daqui para frente”, destacou a presidente.

Com relação a decisão do prefeito Clésio Salvaro, sobre o retorno as aulas presencias nas escolas da rede, Jucélia informou que o jurídico do sindicato está fazendo uma representação junto ao Ministério Público. “Não é da vontade dele (prefeito), definir isso. Ele está ferindo um decreto estadual. Temos professores com comorbidades, sem conta que é um direito dos pais em deixarem seus filhos em casa”, finaliza.

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.