Notícias de Criciúma e Região

Senta que lá vem história – Qual a origem da expressão “ter o rei na barriga”?

Com o rei na barriga é uma expressão popular usada para se referir às pessoas que dão muita importância a si mesmas. São os indivíduos que pensam ser mais importantes do que realmente são. Esta expressão também é bastante comum para falar sobre uma pessoa que tem o hábito de ser arrogante, presunçosa ou prepotente. Pode ser usada para se referir a alguém que seja tão centrado em si mesmo, que sequer percebe os outros ao seu redor. Existe variações da expressão: ter o rei na barriga, estar com o rei na barriga ou trazer o rei na barriga.

No tempo da monarquia quando era importante que uma rainha desse à luz muitos bebês para dar continuidade à sucessão da sua família real no trono, como rainhas grávidas de um potencial rei recebiam um tratamento especial para que a gravidez corresse bem e nada acontecesse ao rei que carregavam na sua barriga. A bajulação valia até mesmo se o bebê em questão fosse um bastardo.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui

Estas rainhas, que tinham muitas vezes casado por conveniência para manter uma paz entre dois reinos ou manter a harmonia entre duas famílias reais e não eram muito bem tratadas pelos seus maridos e sua família, aproveitavam-se da sua gravidez ou da sua condição de mulher-grávida para fazer exigências e conseguir benefícios que, de outro modo, nunca receberiam.

Todo esse cuidado a mais fazia com que a felizarda começasse a se sentir mais importante que as demais, justamente por ter um descendente do rei na barriga. Por isso, era comum que fosse vista como arrogante e metida aos olhos das outras pessoas.

E aí, conhecia a origem dessa expressão? Obrigada pela leitura, me siga nas minhas redes sociais:

TikTok
Instagram
Twitter

Você também pode gostar