Renner se defende sobre a Black Friday

Repasse para seus amigos utilizando os links abaixo

Após o Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) de Criciúma, ter emitido um ato de infração na tarde de ontem, 27, para as Lojas Renner de Criciúma, por uma suposta fraude na Black Friday, a assessoria de imprensa da loja enviou uma nota sobre o episódio.

“A Lojas Renner esclarece que a etiqueta amarela sinaliza os produtos participantes da Black Friday, promoção que dá desconto de 20% nesses itens nas lojas físicas, no momento do pagamento.”

A denúncia chegou ao Procon, por meio de um consumidor que gravou o flagrante. O local estava fazendo propaganda enganosa com diversas mercadorias. Ontem, o coordenador do Procon, Gustavo Colle, garantiu que foi uma propaganda enganosa de precificação. “Os produtos que estavam com etiquetas promocionais apresentavam o mesmo valor antes da promoção”, disse ele.

Saiba mais

[VÍDEO] Produtos de vestuário com propaganda enganosa marcam o primeiro caso de fraude na Black Friday

Repasse para seus amigos utilizando os links abaixo

#black friday, #Criciúma, #Renner', Procon

Repasse para seus amigos utilizando os links abaixo
Repasse para seus amigos utilizando os links abaixo