Anúncio

Região Carbonífera registra saldo positivo de empregos, tendo Içara o melhor desempenho

Geração de empregos em outubro é a maior do ano na região

A geração de empregos na Região Carbonífera segue crescendo. Os 12 municípios registraram em outubro o maior saldo do ano no comparativo entre contratações e demissões. No último mês, foram abertos 1.663 postos de trabalho com carteira assinada, superando a marca de agosto (1.473), até então o melhor desempenho de 2020. Os números são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nesta quinta-feira, dia 26, pelo Ministério da Economia.

Anúncio

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui

“O cenário já desenhava que teríamos em outubro um saldo maior do que em setembro e isso se confirmou, mostrando que as empresas da Região Carbonífera vêm se recuperando e conseguindo retomar as contratações, cada vez em maior volume”, aponta o presidente da Associação Empresarial de Criciúma (Acic), Moacir Dagostin.

Conforme Dagostin, os dados demonstram a importância de manter as atividades econômicas. “Não podemos correr o risco de uma nova paralisação. Por isso, todos nós devemos fazer a nossa parte para evitar a disseminação do coronavírus. Além de assegurar os empregos, é preciso preservar a saúde”, reforça.

Saldo positivo em 11 municípios

 De acordo com os dados do Caged, 11 dos 12 municípios da região tiveram mais admissões que desligamentos em outubro, com destaque para Criciúma. Com 695 empregos criados no mês passado, a cidade voltou a ter saldo positivo no acumulado do ano. Entre janeiro e outubro, foram 199 contratações a mais que demissões.

Içara também conseguiu manter o bom desempenho, abrindo 435 vagas de trabalho formal em outubro e chegando a 1.202 no acumulado do ano.

Ainda tiveram saldo positivo em outubro:  Nova Veneza (110), Urussanga (109), Siderópolis (105), Orleans (100), Morro da Fumaça (81), Cocal do Sul (29), Treviso (13), Balneário Rincão (3) e Lauro Müller (2). Apenas Forquilhinha registrou 19 demissões a mais que contratações no mês passado.

Acumulado

Com o desempenho de outubro, a Região Carbonífera registra, no acumulado do ano, saldo positivo de 3.287 empregos, tendo Içara o melhor desempenho. A seguir, vem Urussanga, com 652 contratações a mais que desligamentos entre janeiro e outubro.

Forquilhinha aparece na terceira posição, com saldo de 468, enquanto o quarto melhor desempenho pertence a Nova Veneza, com 399 admissões a mais que demissões nos dez primeiros meses do ano. Entre os 12 municípios, somente Cocal do Sul ainda mantém saldo negativo, com a perda de 95 postos de trabalho com carteira assinada no ano.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo. Inscreva-se agora!

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.