Notícias de Criciúma e Região

PSD chama apoio a Gean de terceira via

Com a sinalização do ex-governador Raimundo Colombo em disputar o Senado não resta dúvida de que o PSD irá apoiar Gean Loureiro (União Brasil) ao governo do Estado, o que já rotula de construção pela terceira via.

📲Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui.

Com o movimento, encampado pelo triplo J (o deputado Julio Garcia, o prefeito João Rodrigues, de Chapecó; e o ex-senador e governador Jorge Bornhausen), além do ex-prefeito José Caramori, o PSD supera seus obstáculos internos e mira no que imagina ser uma disputa polarizada entre o governador Carlos Moisés (Republicanos) e o senador Jorginho Mello (PL).

Gean consegue um feito, ter um partido de porte ao seu lado, o primeiro que se manifesta oficialmente, mas terá que buscar dissipar as manifestações de prefeitos e vices favoráveis a Moisés.

Mais de 60 pessoas, entre pré-candidatos a deputado estadual e federal, muitos deles com mandato, e integrantes da executiva estadual estiveram na reunião no Hotel Faial, em Florianópolis, comandada pelo presidente, deputado Milton Hobus e que ouviram Colombo (foto) dizer que “Santa Catarina não pode fazer a escolha errada novamente”, uma alusão aos ataques contra Moisés.

Tucanos na mira

O próximo alvo na escalada de Gean é tentar o apoio do PSDB catarinense, que começa a formalizar a condição de federação com o Cidadania estadual – seguindo o modelo nacional -, cuja primeira reunião também foi nesta segunda (9) entre as executivas e os presidentes Rogério Pacheco, prefeito de Concórdia, e a deputada federal Carmen Zanotto.

Em nota divulgada no final da tarde, as executivas informaram que voltam a se encontrar dia 16 próximo para a composição do Colegiado da Federação em Santa Catarina, as nominatas para candidaturas na proporcional e nomes à majoritária.

Você também pode gostar