Procon orienta sobre compra de presentes para o Dia das Mães

O Dia das Mães é uma das datas mais importantes do calendário e será comemorada no próximo domingo. Pensando em facilitar as compras o Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) de Criciúma, planejou uma série de dicas para não errar na hora da compra.

Antes de sair às compras é interessante fazer o planejamento, segundo o coordenador do Procon, Gustavo Colle, os consumidores precisam fazer uma lista de possíveis presentes e orçamentos e, depois, devem fazer uma pesquisa de preços. “Já nas compras pela internet, a pesquisa é fundamental para verificar a idoneidade do estabelecimento”, orienta.

“Lembrando ainda que o prazo de desistência é de sete dias, contando a partir da assinatura do contrato ou recebimento do produto, conforme o artigo 49 do Código de Defesa do Consumidor. Porém, a melhor dica nesse caso é calcular o frete, avaliar se o produto está realmente valendo a pena e conferir os preços nas lojas tradicionais”, diz o coordenador.

Exija a nota fiscal

Exigir a nota fiscal também é importante, além disso é interessante verificar a rotulagem nas compras de produtos de perfumaria e alimentos. Conforme Colle, as embalagens precisam conter todas as informações sobre os produtos em língua portuguesa, como instruções de uso, características, registro no órgão competente, prazo de validade, composição, volume, quantidade, condições de armazenamento e identificação sobre o fabricante e importador.

Reserva antecipada 

Sair para almoçar também é comum na data, com isso nessas ocasiões é melhor fazer a reserva antecipada para evitar aborrecimentos. Sendo importante saber que o pagamento da taxa de serviço é opção do consumidor e só pode ser cobrada se houver a prestação do serviço. “Outras opções de presente são flores e cestas de café da manhã, o cliente tem que ficar atento se o valor final inclui custos de embalagens, arranjos e entrega”, destaca.

Troca somente em caso de defeito

De acordo com o coordenador, nas compras de roupas e calçados, o comprador deve estar ciente de que o estabelecimento só é obrigado a efetuar a troca em caso de defeito. “O comércio geralmente faz a política da ‘boa clientela’. Quando o problema for de gosto pessoal, a loja só é obrigada a trocar se tiver se comprometido com o cliente, mas isso deve constar por escrito”, explica .

Se os consumidores optarem por ‘vale presente’, devem acertar com o lojista de que forma serão restituídas as diferenças de valores. No caso de eletroeletrônicos, o cliente pode solicitar o teste do aparelho e demonstração de funcionamento.

Onde fica o Procon?

Em caso de dúvida ou reclamação, o Procon de Criciúma está situado na  Rua Henrique Lage, 267, no Centro. O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira das 8h às 17h, sem fechar ao meio-dia. O telefone para contato é (48) 3445-8522 ou pelo site www.procon.criciuma.sc.gov.br.

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.