Preso na fronteira do RS suspeito de chacina em apart-hotel de Florianópolis

Foi preso, na tarde desta sexta-feira, em Santana do Livramento, na Fronteira Oeste, um homem suspeito de participar da chacina em um apart-hotel de Canasvieiras, em Florianópolis, em julho deste ano. Cinco pessoas, sendo quatro da mesma família, foram assassinadas.

O preso, de 21 anos, que não teve o nome divulgado, estava sendo monitorado há cinco dias pela Polícia Civil gaúcha, após informações de que ele estaria escondido em Rivera, no Uruguai. Conforme a delegada Ana Tarouco, desde domingo quatro equipes se revezavam para monitorar a fronteira e tentar identificar o suspeito.

— Ele tem contatos em Rivera, e hoje conseguimos visualizar e confirmar que era ele. Depois, acabou cruzando a fronteira e foi preso — contou a delegada.

O suspeito foi visto pela primeira vez apenas nesta manhã. Enquanto era monitorado no lado brasileiro, a polícia uruguaia conseguiu mandado de busca na casa onde o homem estaria se escondendo. Policiais do país vizinho cumprem neste momento as buscas na casa para encontrar provas contra o suspeito.

O caso é investigado pela Polícia Civil catarinense, que ainda não divulgou informações sobre a prisão. A suspeita inicial era de que três pessoas estariam envolvidas na chacina. Embora o nome de uma facção tenha sido escrito nas paredes do local, a investigação descarta que isso seria a motivação do crime.

http://portallitoralsul-com-br.umbler.net/familia-e-achada-morta-e-amarrada-em-apart-hotel-em-florianopolis/

Por Gaúcha/ ZH

#apart hotel, #chacina, Florianópolis, home_destaque