Presidente do Comitê da Bacia do Rio Urussanga destaca as conquistas  e projeção para 2019

O ano de 2018 foi marcado por reconhecimentos e avanços para o Comitê da Bacia do Rio Urussanga. Resultado da atuação através da colaboração de profissionais e participação de entidades membros. Uma das expressivas conquistas foi o lançamento e início da execução do Plano de Recursos Hídricos da Bacia do Rio Urussanga por meio do empenho do Governo de Santa Catarina e da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS), do apoio financeiro da Fundação de Amparo a Pesquisa e Inovação de Santa Catarina (Fapesc) e do desempenho técnico da Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul).

Além disso, o Comitê da Bacia do Rio Urussanga foi reconhecido nacional e internacionalmente. A seleção para participação no 8º Fórum Mundial da Água, realizado em Brasília no mês de março, posicionou o órgão aos olhos do mundo na Vila Cidadã para mais de 60 mil pessoas com a exposição do trabalho de estratégia envolvendo articulação, mobilização e comunicação.

Diretoria do Comitê da Bacia do Rio Urussanga

Em nível nacional também foi apresentado o case de sucesso no XX Encontro Nacional de Comitês de Bacias Hidrográficas, em Florianópolis, no mês de agosto, com espaços em mesa de diálogo e exposição de trabalhos. Já no exterior, o programa de educação ambiental “Aprender e Ensinar nas Águas dos Rios”, desenvolvido nas escolas dos municípios de Cocal do Sul e Criciúma, foi exposto no X Congresso Ibérico de Gestão e Planejamento de Água, na Universidade de Coimbra, em Portugal, no mês de setembro.

A implantação da entidade executiva Aguar em apoio técnico e operacional aos Comitês de Bacias dos Rios Araranguá e Urussanga foi outro aspecto relevante. Para 2019 surgirão novos desafios como a discussão e aprovação do Plano de Recursos Hídricos da Bacia do Rio Urussanga, instrumento que irá orientar as ações em busca do uso sustentável da água.

“A diretoria do Comitê e equipe técnica irão atuar no desenvolvimento das atividades propostas no projeto de fortalecimento. Mas para que estes avanços possam acontecer no próximo ano é necessário contar com a participação e o apoio de todos os membros e as entidades que fazem parte do Comitê da Bacia do Rio Urussanga.  Juntos somos mais fortes na luta pelas nossas águas”, salienta a Presidente do Comitê da Bacia do Rio Urussanga, Carla Possamai Della.

Nascente do Rio Urussanga encontro entre os afluentes Rio Maior e Rio Carvão

A Bacia

A Bacia do Rio Urussanga está localizada na região do extremo sul catarinense e possui uma área de drenagem de 679,75 km². Seu rio principal, o Rio Urussanga, surge da confluência dos rios Maior e Carvão. No encontro do rio Urussanga com o Oceano Atlântico forma-se um complexo laguna composto por lagos e arroios. A Bacia Hidrográfica do Rio Urussanga abrange 10 municípios: Balneário Rincão, Cocal do Sul, Criciúma, Içara, Jaguaruna, Morro da Fumaça, Pedras Grandes, Sangão, Treze de Maio e Urussanga.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo. Inscreva-se agora!

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.