Paulo Esporte Coutinho – Bom Dia, Barney e Flintstone!

Possivelmente os Barneys e Flintstones de hoje, se vivessem na época reclamariam do carro movido a pés, sem dar tempo aos melhoramentos que iam aparecer. Alguns anos atrás, reclamávamos muito (da telefonia móvel) e ainda reclamamos, mas será que poderíamos viver sem ela? Temos que acabar com as redes sociais ou seria mais fácil retirar de ação quem não sabe usá-las? Pois bem, minha falação vai direto ao VAR instrumento de justiça nos lances duvidosos no futebol que hoje é a grande polêmica. Mas, na minha opinião não deveríamos discutir o VAR e sim, em alguns casos quem o está conduzindo. Sou do tempo do futebol onde os árbitros e jogadores negociavam partidas, e a tecnologia veio para corrigir isto e principalmente erros. Não podemos ser contra o VAR sob pena de estarmos indo contra o progresso e justiça.

Como deverá ser o nosso VAR

Para a sequência deveremos ter uma central nacional do VAR que fará todos os jogos desta central. Teremos uma equipe de árbitros de VAR que serão treinados para analisar sem atuar nos gramados na prática. Com isto, espera-se uma diminuição no tempo de análise e menos erros na decisão final.

Próspera seguro e firme

As palavras do presidente Israel do Próspera mostram segurança, firmeza e total domínio da matéria. No programa Dentro da Área respondeu perguntas como plano B e sequência sem vacilar, mostrando o caminho no momento correto que está sendo seguido. Muito bom! E agora é esperar e apostar na prática com a dupla de craques Paulo Bayer e Luciano Almeida.

E a ginástica?

Foi aberto um processo administrativo contra os técnicos da ginástica rítmica e artística de Criciúma. Como conheço muito bem o trabalho, gostaria muito que tudo seja bem esclarecido. Acusar, acusar seria o caso nesta situação? Nós que nem sabemos sobre o caso das carnes poderíamos tornar público uma dúvida? Vamos conferir, mas a FME parece que precisa pensar mais.

 

Troféu Abacaxi

É para uma resposta que não tenho. Quem manda na FME Criciúma? Neto Ugione, atual presidente que possivelmente não teria condições pelo tempo de mexer no xadrez? Nicola Martins estaria ainda com seus nicoletes opinando? Alexandre Verdieri que parece ser o diretor técnico? Ou Gustavo, diretor que precisa mostrar seu trabalho?

 

 

 

 

 

Troféu Destaque

Para a maior competição de tênis infanto- juvenil do mundo, o Banana Bowl que começa a receber tenistas de 45 países, a partir de 24 deste mês, no nosso lindo Mampituba.

 

 

 

 

 

 

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo. Inscreva-se agora!

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.