Na Serra do Rio Rastro foram registrados deslizamentos de barreiras

As equipes das secretarias de Estado da Defesa Civil e da Infraestrutura e Mobilidade (SIE), além do Corpo de Bombeiros Militar, permanecem em alerta enquanto ainda há nebulosidade e possibilidade de novas pancadas isoladas de chuva na região.

Os profissionais estão percorrendo as regiões do Estado para avaliar e solucionar problemas ocasionados pelas fortes chuvas da última noite e madrugada. Na SC-390, na Serra do Rio Rastro, e na SC-108, em Urussanga, foram registrados deslizamentos de barreiras, que já foram solucionados e o tráfego está liberado nas rodovias.

De Gramado (RS), onde participa da reunião do Consórcio de Integração Sul e Sudeste (Cosud), o governador Carlos Moisés recebe informações e acompanha o trabalho realizado pelas equipes em Santa Catarina.

Na BR-101, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o trânsito está totalmente interrompido no sentido sul e com apenas uma faixa liberada no sentido norte, que pode ser interrompida a qualquer momento.

No sentido sul, o principal desvio começa logo após Ponte Juscelino Kubitschek, que passa sobre o Rio Tubarão, com a entrada para a SC-390, em direção a Pedras Grandes e Orleans. Depois, os motoristas usam a SC-108 até a rótula da Ceusa, em Urussanga, onde convertem à esquerda para pegar a SC-445 em direção a Morro da Fumaça e seguir por ela até a BR-101.

Os veículos pesados são orientados a retornar ainda em Tubarão, já que o desvio é apenas para veículos leves.

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.