Anúncio

Mulher de SC recebe pacote da China, aciona autoridades, mas descobre que era presente da irmã

A repercussão de histórias que envolvem a chegada de sementes misteriosas vindas da China às casas de moradores de Santa Catarina induziu Letícia Woestehoff ao erro. Ela, que mora em Balneário Camboriú, recebeu uma encomenda chinesa na manhã desta segunda-feira, 16.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui

Anúncio

Como nem ela nem o marido fizeram compras pela internet, suspeitou que fossem as temidas sementes. Porém, após alertar vizinhos, familiares e as autoridades, descobriu que o pacote era um presente da irmã.

Letícia mora em apartamento junto com o companheiro e os filhos. Na manhã desta segunda, ao passar pela caixa dos correios, eles repararam em uma embalagem com escritas orientais, muito semelhante às que viram em reportagens sobre as sementes.

Preocupada, ligou para a Secretaria de Meio Ambiente do município e relatou a desconfiança. Recebeu então a orientação de enviar o produto para a Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc), em Itajaí, que o encaminharia para o Ministério da Agricultura.

“Depois disso eu mandei mensagem nos meus grupos do WhatsApp, da família, do condomínio… Eu perguntei se mais alguém recebeu e repassei as orientações, caso acontecesse”, conta rindo.

Foi neste momento que a irmã avisou que tinha comprado um fone para os sobrinhos, uma surpresa.

“Que vergonha! Eu abri com todo o cuidado e óbvio que era o presente. Todos riram, meus filhos então estão até agora [fazendo piada]…Por pouco o Ministério da Agricultura não recebe fones novos. Uma “neurose”,” resume divertida a moradora.

 

Fonte: NSC

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo. Inscreva-se agora!

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.