Morte do repórter Fernando Caetano causa comoção no meio esportivo

Uma notícia triste surpreendeu os amantes do esporte neste domingo, 9. com a confirmação da morte do repórter Fernando Caetano, ex-ESPN e Fox Sports Brasil. O jornalista havia sofrido um infarto há 15 dias e estava em recuperação, o motivo da morte ainda não foi divulgado.

Natural de Marília, interior de São Paulo, o repórter trabalhou por muitos anos na ESPN, depois mudou-se para a Fox Sports, da qual acabou saindo após reformulação do grupo Disney no fim do ano. Formado pela PUC de São Paulo, Fernando Caetano iniciou a carreira na rádio Jovem Pan, antes de brilhar na televisão.

Atualmente morava com os pais em sua cidade natal, onde desenvolvia novos projetos para retomar a carreira. Fernando era o tipo de repórter que todo mundo gostava. Sempre com sorriso no rosto, demonstrando alto astral e esbanjando alegria, fazia do jornalismo algo fácil. De voz marcante, não tinha medo de perguntar, segundo amigos e colegas de trabalho.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui.

A morte ocorreu nesta madrugada e muitos amigos, familiares e jornalistas lamentaram a perda. A irmã Simone foi quem deu a triste notícia pelas redes sociais. Diversos jornalistas fizeram questão de prestar homenagem ao repórter e solidariedade à família. Clubes de futebol também lamentaram a perda.

– O Corinthians lamenta a morte do repórter Fernando Caetano, que nos últimos anos passou por FOX Sports e ESPN Brasil, dentre outros veículos. O clube se solidariza com a perda e deseja força aos parentes e amigos do jornalista – postou o clube.

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.