Justiça afasta prefeito, vice assume e ninguém quer comentar o caso no governo

Até o momento ninguém do Governo Municipal de Lauro Muller quis se manifestar sobre o afastamento do prefeito da cidade Valdir Fontanella (PP). Ele foi afastado do cargo por conta das investigações da Operação Seguindo Rastro, do Ministério Público (MP-SC) e do Gaeco, que pura possíveis irregularidades na contratação de maquinários empregados em obras públicas na cidade nos últimos três anos.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui

Barb assume lugar de prefeito afastado 

O progressita não foi localizado para comentar sobre essa bomba que caiu na manhã desta segunda-feira, 02. Em seu lugar assumiu o vice-prefeito, Pedro Barp Rodrigues, que está sem partido. Ele ficará no cargo por 180 dias, conforme determinou a justiça. Servidores da prefeitura e um vereador foram ouvidos pelos Ministério Público.

Além disso, uma equipe do Gaeco esteve no pátio de maquinasda prefeitura, onde buscaram documentos. Funcionários ligados a empresa do prefeito afastado também foram prestar depoimento. Uma nota é aguardada pela imprensa no decorrer da noite.

#denuncia, #lauro müller, #Política, Afastamento, gaeco, Investigação, Ministério Público