Júri em Orleans condena homem a dez anos de prisão por quatro tentativas de homicídio

Os crimes aconteceram em agosto de 2020, quando o réu, efetuou disparos contra pai, mãe e dois filhos

Um homem de 52 anos foi condenado por quatro tentativas de homicídio duplamente qualificado a pena de dez anos e seis meses de reclusão, em sessão do Tribunal do Júri promovida na comarca de Orleans na quarta-feira, 9. Presidida pela juíza titular da 2ª Vara da comarca, Bruna Canella Becker, a sessão de julgamento do tribunal do júri foi realizada na Câmara de Vereadores de Orleans respeitando todas as medidas de saúde e segurança necessárias em função da pandemia de covid-19.

De acordo com a denúncia, os crimes aconteceram em agosto de 2020, no bairro Rio Pinheiros, quando o réu, portando um revólver e um rifle, efetuou disparos contra quatro pessoas, pai, mãe e dois filhos, que faziam manutenção em uma cerca no limite da proprie​dade. Três das vítimas foram atingidas pelos tiros, no braço, tórax e nádega, sendo imediatamente encaminhadas para atendimento médico. A motivação dos crimes foi relacionada a desavenças em razão da divisa de terras vizinhas, tendo o acusado agido de surpresa, sem possibilitar chances de defesa às vítimas.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui.

O Conselho de Sentença reconheceu que as quatro tentativas de homicídio foram praticadas mediante recurso que dificultou a defesa das vítimas e por motivo fútil. O homem foi condenado em regime inicial fechado. Ele também teve negado o direito de recorrer em liberdade. Cabe recurso da decisão.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo. Inscreva-se agora!

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.