Içara: relatório aponta economia de R$ 5,3 mi no executivo; já no legislativo, o custo segue alto

O relatório anual do Observatório Social (OS) de Içara aponta os números dos custos do executivo e legislativo municipais. A apresentação dos dados será nesta terça-feira, 17, às 19h, no Edifício London (nos fundos da Paróquia São Donato). Esse é o segundo relatório aprentado pela entidade desde sua criação.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui

De acordo com o presidente do OS, Renato Brígido, a função do observatório é acompanhar os gastos dos poderes públicos da cidade. No caso do Executivo, a prioridade são as licitações. No último ano, a Prefeitura Municipal economizou R$ 5,3 milhões em custos com as licitações. “Em trabalho conjunto com o setor de compras da prefeitura foi possível chegar nessa economia”, destaca o presidente.

Por outro lado, a equipe do OS está preocupada com os custos do Legislativo Municipal. Em comparação a outras câmaras de cidades catarinenses com a mesma população, o município de Içara gasta R$ 2,3 milhões a mais por ano. “As outras câmaras custam em média R$ 3 milhões. Em Içara esse valor é de R$ 5,3 milhões “, explica Brígido.

Reduzir os salários dos vereadores 

Os motivos para os custos altos se devem ao número de vereadores e assessores que a Casa possuí. Hoje Içara conta com 15 vereadores com salários mensais de R$ 9,3 mil. Para o presidente da OS, o ideial seria que os salários tivessem uma redução para buscar essa economia. Para isso, a entidade, deve apresentar em 2020 um projeto de lei para equiparar o salário do vereador de Içara ao do professor municipal que trabalha 40h/semanais.

“O salário ficaria em R$ 5 mil para o vereador e 60% desse valor seria o vencimento dos assessores. O que iria gerar uma economia de R$ 1,5 milhão”, calcula Brígido. Para que essa proposta se torne possível são necessárias cinco assinaturas de parlamentares. “Vamos apresentar no próximo ano com a meta para valer em 2021”, conclui.

#Política, home_destaque, Içara, Observatório social