Hospital Santa Catarina vai receber R$ 2 milhões

Em viagem à Brasília (DF), o prefeito Clésio Salvaro esteve reunido, na manhã desta quarta-feira, 28, com o ministro da Saúde, Ricardo Barros. No encontro, o ministro viabilizou R$ 2 milhões que serão destinados aos custos do Hospital Materno Infantil Santa Catarina (HMISC). Atualmente, a Prefeitura de Criciúma investe mensalmente R$ 1 milhão na instituição.

“A audiência teve o propósito de solicitar o valor de R$ 2 milhões para custear as despesas do HMISC, junto a União, sendo que o município aporta R$ 12 milhões por ano de recursos próprios”, ressalta o prefeito Clésio Salvaro.

Hospital São José

Salvaro também solicitou o credenciamento do Hospital São José, junto ao Ministério da Saúde, para habilitação de procedimentos de transplante renal por meio do Sistema Único de Saúde (SUS). “É com grande satisfação que recebemos essa autorização. Agora poderemos dar prosseguimento ao processo de credenciamento do Hospital São José. É um serviço de grande importância que agora estará mais próximo do cidadão”, comemora o prefeito.

O secretário estadual de Saúde, Acélio Casagrande, também participou da reunião e deverá agilizar o encaminhamento do processo. Agora, o município fará os trâmites administrativos para a habilitação.

Visita do ministro das Cidades

Ainda em Brasília, o prefeito Clésio Salvaro, esteve reunido com o ministro das Cidades, Alexandre Baldy. No encontro, o chefe do poder executivo realizou o convite oficial para uma visita do ministro à Criciúma. O objetivo é apresentar o andamento das obras da Implantação do Prolongamento do Canal Auxiliar do Rio Criciúma – Etapa 2. A data da visita ainda será agendada.

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.