Homenagens marcam evento de celebração dos 77 anos da Acic

Solenidade foi realizada na noite dessa terça-feira, dia 16

Uma história marcada por conquistas e relevantes contribuições ao desenvolvimento socioeconômico da região Sul e do Estado, a trajetória de 77 anos da Associação Empresarial de Criciúma (Acic) foi celebrada em evento realizado nesta terça-feira, 15. Durante o encontro, transmitido pela internet, foram lembrados momentos marcantes das mais de sete décadas de atuação, bem como a participação determinante de pessoas que colaboraram e continuam se empenhando para manter a entidade como forte defensora das demandas da classe empresarial e da comunidade.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui.

“Nosso reconhecimento aos fundadores, ex-presidentes, conselheiros, diretores, colaboradores e especialmente aos nossos associados, pois são o fundamento e a razão principal da existência da Acic. Hoje, somos 1,7 mil associados que a cada dia temos orgulho de fazer parte da construção desta entidade”, enaltece o presidente da Acic, Moacir Dagostin.

A busca constante pelo aprimoramento das ações igualmente foi ressaltada por Dagostin. “Somos uma das maiores e mais respeitadas associações empresariais do Sul do país. Congregamos 24 núcleos dos mais diversos setores, uma estrutura modelo no Estado, inúmeras soluções empresariais, capacitações e consultorias, que contribuem com o crescimento e a competitividade das empresas e preparando-as para enfrentar o mundo dos negócios, sempre atenta às transformações do mercado e da sociedade e pautada no associativismo”, pontua.

Importância do associativismo 

Presidente do Conselho Superior da entidade, César Smielevski, também salienta a importância do associativismo no direcionamento das ações. “Entre os princípios do associativismo estão a participação, solidariedade, união e cooperação por objetivos comuns, acreditando que juntos podemos criar propósitos e encontrar caminhos para dirimir os conflitos e problemas enfrentados pela sociedade. A Acic é referência no associativismo porque trabalha incansavelmente pautada nessa missão”, considera.

“O modelo associativista é inovador, unindo empreendedores que trabalham juntos pelo bem do setor que atuam. Isso é o associativismo na prática, movimento que claramente trabalha para o crescimento das nossas cidades”, acrescenta Smielevski.

Transformação das empresas

Devido às restrições impostas pela pandemia, a cerimônia em celebração ao aniversário da Acic contou com a presença apenas de diretores, conselheiros e coordenadores de núcleos da entidade, tendo Moacir Dagostin e César Smielevski como os anfitriões da noite.

Os convidados, assim como o público que acompanhava a solenidade pelo YouTube da Acic, tiveram a oportunidade de assistir à palestra “A transformação das empresas por meio da inovação, gestão e pessoas”, conduzida pela empresária Viviane Martins, presidente da Falconi, consultoria pioneira na introdução de técnicas de gestão no Brasil.

“Diante dos desafios e das dificuldades em empreender no Brasil, precisamos estar preparados, ter a capacidade de adaptação e transformação contínua, não importa o porte da empresa. É necessário ter um objetivo final, mas entender que essa busca pela transformação não termina, pois trata-se de um processo que se renova, na medida em que as necessidades também mudam”, ressaltou a doutora em Administração e mestre em Finanças.

Com ampla experiência em diversos segmentos, Viviane lembrou que os resultados gerados pelas empresas não envolvem apenas o ganho econômico/financeiro. “Isso não é mais suficiente. Quando falamos em resultados, é preciso um olhar mais amplo, o chamado impacto 360, ou seja, sobre todos os envolvidos: colaboradores, clientes, governo, parceiros, meio ambiente e comunidade. Com as ações do dia a dia, devemos ampliar os impactos positivos e minimizar ou eliminar os negativos”, apontou.

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.