Falta de médicos obriga prefeito a trabalhar em posto de saúde

Repasse para seus amigos utilizando os links abaixo

A falta de médicos em quatro unidades de saúde de Imbituba, alterou a rotina do prefeito, Rosenvaldo da Silva Júnior, desde a quarta-feira, dia 23. Ao invés de despachar no gabinete ou visitar obras, o prefeito, que é cardiologista em atividade no município, passou a tarde atendendo, voluntariamente, os pacientes da Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro Campo da Aviação.

“Tivemos nos últimos meses, a saída de quatro profissionais e nesse mês de janeiro, alguns médicos estão de férias. Com isso, estamos com algumas unidades com defasagem no atendimento. A Secretária de Saúde pediu o apoio, por isso, viemos atender a população”, explicou o prefeito.

Segundo a Secretária de Saúde, Graciela Wiemes Ribeiro, a iniciativa foi tomada porque os profissionais das unidades de Vila Santo Antônio, Roça Grande e Araçatuba, deixaram os cargos por questões profissionais. “Como há uma lista de aprovados em concurso público em vigência, o município precisa seguir o que determina o edital, antes da nomeação do novo médico”, explica. Ainda segundo ela, além desses outros bairros estão em déficit.

Repasse para seus amigos utilizando os links abaixo

#falta de médico, #Imbituba, #posto de saúde, home_destaque, saúde

Repasse para seus amigos utilizando os links abaixo
Repasse para seus amigos utilizando os links abaixo