Encontro discute desenvolvimento sustentável como fator competitivo nas organizações

Estabelecidos em 2015 pela Organização das Nações Unidas (ONU) os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) envolvem temáticas como erradicação da pobreza, segurança alimentar, redução das desigualdades, entre outros aspectos, formando uma agenda para as pessoas, para o planeta e para a prosperidade até 2030. Para abordá-los, e instigar a adoção desses preceitos também entre empresas, entidades e instituições de ensino, foi realizado o encontro “O desenvolvimento sustentável como fator competitivo nas organizações”.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui

O evento foi promovido pela Associação Empresarial de Criciúma (Acic), em comemoração a seus 75 anos de fundação, e pela Satc, que em 2019 celebra 60 anos de atividade, com apoio do comitê local do Movimento ODS Santa Catarina. Um público atento se reuniu na sede da Acic para debater o assunto.

Mario Hirose, diretor titular adjunto do Departamento de Desenvolvimento Sustentável (DDS) da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) iniciou a série de palestras, discorrendo sobre o “Desenvolvimento sustentável e a competitividade”. “Cada vez mais o mercado valoriza os produtos sustentáveis e a certificação está alinhada com os ODS. Não dá mais para abrir mão da sustentabilidade”, frisou o economista e professor.

Fundadora da Sustainpolis, Daniella Abreu teve como tema na palestra seguinte “Cidades sustentáveis”. “Muito se ouve sobre isso, mas onde estão as cidades inteligentes? Não adianta ser inteligente e não ser sustentável. Quando falamos em sustentabilidade, estamos falando sobre meio ambiente, mas também sobre o lado social e econômico. Temos recursos, pessoas, o que falta é a conexão com a tecnologia e desenvolver os projetos”, entende a engenheira civil.

Outro convidado, Eduardo Preis, da SGS/Allplan, fez a apresentação da plataforma 2030 Today. “O conceito do nosso projeto é orientar, difundir os ODS. Procuramos sintetizar os modelos dentro de uma plataforma digital, para que as empresas possam desde entender o processo até chegar ao nível de certificação”, apontou.

Certificação e adesão

Após a palestra, houve a assinatura da parceria entre a empresa e a Satc, para o processo de certificação através da plataforma 2030 Today. Também foi assinada a adesão da Acic ao Movimento ODS. Em seguida, os palestrantes receberam brindes da Associação Empresarial de Criciúma, comemorativos aos 75 anos da entidade.

Dia marcante

Ao avaliar o evento, o presidente da Acic, Moacir Dagostin, define o dia como marcante. “Por passar ao público externo o que são ODS. Um tema dessa importância desperta o interesse de todos, empresários, poder público e instituições de ensino. A Acic se incorpora cada dia mais a esses objetivos e a parceria em prol das metas resume bem esse encontro”, considera.

Coordenador de Mobilização do comitê local do Movimento ODS Santa Catarina, Fernando Barbosa ressalta que os 17 objetivos foram traçados em favor da sociedade, das estruturas e da qualidade de vida, abrangendo pessoas físicas e jurídicas. “Há uma mudança de pensamento, de não deixar essa questão do passivo, de apenas usufruir, mas construir uma sociedade focada no próximo. É um movimento voluntário para construir um futuro próspero e equilibrado”, resume.

Diretor executivo da Satc, Fernando Zancan lembra do protagonismo da instituição em relação aos ODS, uma cultura nascida muito antes da criação de uma agenda pela ONU. “Olhando para trás, os mineradores não tinham ideia do que estavam criando com a Satc. Não se sabia que haveria um momento como esse e mesmo assim houve todo um investimento em assistência social e educação. Hoje, a Satc é um diamante, pois tem foco no principal para alavancar o país: a educação”, enaltece.

Para Zancan, a importância de um evento como o desta quinta-feira é divulgar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. “Percebemos que Criciúma não está avançando como outros municípios”, justifica.

Participação

O encontro também contou com a participação do secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico Sustentável e Turismo, Lucas Esmeraldino. Ele detalhou as ações da secretaria, ligadas aos 17 ODS, abrangendo diversos serviços públicos.

Também presente, o deputado estadual Rodrigo Minotto citou o projeto de lei de sua autoria que pretende instituir, em setembro de cada ano, a Semana Estadual de Desenvolvimento Sustentável.

# Associação Empresarial de Criciúma, #Criciúma, #meio ambiente, #sustentabilidade, Acic, Sustentável