Cônsul chinês visita primeiro condomínio fechado de Tubarão

O início de uma conexão entre a China e o Sul de Santa Catarina foi estabelecido em um encontro na manhã do último sábado, no condomínio Quinta do Lago Residence, em Tubarão. O cônsul comercial chinês no Brasil, Yu Yong, participou do encontro promovido por uma comitiva de jovens empresários e o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico de Tubarão, Giovani Bernardo. Na oportunidade o diretor da Weber Empreendimentos, Fernando Weber, fez uma apresentação sobre negócios da empresa em que os asiáticos podem enxergar oportunidades comerciais e de intercâmbio de tecnologias.

Reconhecida como uma das regiões mais prósperas do país e onde a empresa concentra a maior parte dos investimentos, o Sul de Santa Catarina pode vir a crescer ainda mais com a participação de capital intelectual e também financeiro de corporações chinesas, acredita Weber. “Nossos principais negócios estão no mercado imobiliário, com foco cada vez maior nos bairros planejados com espaços para instituições de ensino e empresas com base tecnológica e inovação. Essa aproximação com o governo de uma grande potência mundial nos aproxima de oportunidades de investimentos e do conhecimento de tecnologias de construção civil”, sublinha.

Yu Yong esteve em Tubarão, acompanhado da vice-cônsul, Li Chang, para participar da Assembleia Geral Ordinária da Confederação Nacional dos Jovens Empreendedores (Conaje), em Tubarão, e ficou impressionado com o cenário de novos investimentos no Sul. “Muito interessantes as ideias que estão se desenvolvendo, principalmente nos bairros planejados. Vamos continuar em contato para buscar formas de conectar empresas daqui com as do nosso país”, disse o cônsul, cujas atividades são sediadas em São Paulo.

Depois de conhecer o primeiro condomínio fechado de Tubarão, Yong foi levado de helicóptero para Bom Jardim da Serra, onde a Weber Empreendimentos possui o condomínio Altos da Serra, com vocacão para o lazer e a vivência do ambiente serrano. “O Sul Catarinense tem um enorme potencial, os chineses estão investindo onde enxergam possibilidades de crescimento e a relação institucional com esse representante governamental é um importante elo”, pontua.