[VÍDEO] Cenário diferente na Barra do Camacho

Faz alguns meses que o cenário da Barra do Camacho, em Jaguaruna mudou. Quem passa pelo local, percebe que a água está desaparecendo, o motivo é o assoreamento, onde um banco de areia forma-se no encontro da lagoa com o canal.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui.

A lagoa formada era muito frequentada por moradores e turistas e segundo o pescador Anísio Figueira, que reside na localidade, a pesca artesanal também está morrendo.  “Não está entrando peixe. A barra está realmente seca. Dá pra ir até a beira mar por dentro dela. Quando a maré enche corre um pouco de água, somente para tapar o pé. Faz três meses que uma draga foi colocada aqui para fazer a manutenção, mas ainda não está funcionando”, lamenta.

O deputado estadual Felipe Estevão (PSL), presidente da Comissão da Pesca e Aquicultura quer reforçar com os parlamentares  um verdadeiro pente-fino em todas as 20 barras em Santa Catarina. Segundo ele, todos devem contribuir para facilitar a vida dos pescadores e suas famílias. A ideia é de promover uma grande audiência pública envolvendo todos os órgãos responsáveis, prefeitos da região e lideranças políticas para debater e encontrar soluções para as barras.

“Vamos começar pela Barra do Camacho, pois essa obra vai sair. Faremos um projeto para que possamos ajudar as famílias ribeirinhas das barras de Santa Catarina. Temos que reverter essa situação para fomentar o trabalho, a economia e o turismo dessas comunidades”, disse ele.

Vídeo:

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo. Inscreva-se agora!

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.