Campanha alerta para as causas e no combate ao suicídio

Representantes de entidades religiosas estiveram reunidos com os integrantes da Rede de Proteção à Vida na Associação Empresarial de Criciúma (Acic). O intuito foi apresentar o movimento de prevenção ao suicídio e valorização da vida aos líderes de cada religião e integrá-los nas ações do Setembro Amarelo.

“Estamos convidando as instituições religiosas a participarem, compartilhando com seus membros e suas comunidades as informações relevantes e úteis a respeito da prevenção do suicídio. Queremos entrelaçar as atividades da rede com as entidades”, destaca o voluntário da Rede de Proteção à Vida, Roberto Caldas.

Desde 2003, o dia 10 de setembro é estabelecido como o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio. Em Criciúma, já estão programadas algumas ações como panfletagem, palestra e pedágio durante o mês de setembro. Nesse ano já foram registrados 29 casos de suicídios na região carbonífera. Em todo o Sul, o número de suicídios chega a 66.

Saiba mais

Rede de Proteção à Vida é uma iniciativa articulada pela Associação Empresarial de Criciúma desde abril de 2016, que integrou diversas entidades como o Centro de Valorização à Vida (CVV), Samu, polícias Militar e Civil, Guarda Municipal, hospitais, Centro de Atenção Psicossocial (Caps), Alcoólicos Anônimos, Serviço de Psicologia Aplicada da Esucri, Núcleo de Prevenção às Violências e Promoção da Saúde (NUPREVIPS) e Associação Criciumense de Apoio a Saúde Mental (Ceres).

Programação do Setembro Amarelo

Dia 02/09 – Panfletagem na Praça Nereu Ramos (9h às 12h30min);

Dia 07/09 – Desfile cívico no Parque das Nações com início às 9h;

Dia 15/09 – Palestra aberta ao público com o psicólogo Marlon Reikdal, abordando o tema “Suicídio”, na sede da ACIC, às 20h;

Dia 16/09 – Pedágio do CVV das 9h e 12h30min

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.