Notícias de Criciúma e Região

Bebê internado no HMISC que aguardava leito de UTI consegue vaga

Maya foi transferida na terça-feira, 3, por volta das 23h30

Após vários dias de preocupação familiares da pequena Maya Yasmim Nascimento Jacobs, de apenas dois meses de vida, agora estão aliviados. O bebê que estava internado desde a última semana, na sala de emergência do Hospital Materno- Infantil Santa Catarina (HMISC) em Criciúma, com quadro grave de bronquiolite, finalmente conseguiu uma vaga na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital.

📲Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui.

A informação foi repassada pela tia da criança, Joyce Jacobs Francisco. Segundo ela, Maya foi transferida para um leito de UTI, na última terça-feira, 3, por volta das 23h30. “Os exames estão bons e ela está reagindo aos remédios. Agradecemos todos que ajudaram. Agora é orar para que ela melhore a cada dia”, disse Joyce.

A história de Maya Yasmim, que reside com os pais Tiago Jacobs e Emilly, no bairro Marili em Içara foi contada na última terça-feira, 3, pelo Portal Litoral Sul. A criança deu entrada no HMISC, na última quinta-feira, 28. “Fizeram a avaliação e internaram, sendo que parte do pulmão está comprometido e ela entubada”, disse a tia na oportunidade.

Procurada pela reportagem a direção do Hospital Materno- Infantil Santa Catarina, informou que a instituição não estava medindo esforços para conseguir atender toda a demanda terapêutica da melhor e mais rápida forma possível. “Todavia, como é de conhecimento de todos, atualmente há uma alta demanda e uma falta generalizada de leitos de UTI neonatal e pediátrica em todo o Estado”, destacou a direção.

Você também pode gostar