Baier: “É manter essa confiança que a rapaziada tá tendo, essa determinação, essa pegada”

“Um jogo difícil em que o Próspera tem que manter a mesma confiança e determinação das partidas anteriores”. Assim define o técnico do Esquadrão da Raça Paulo Baier, o duelo contra a Chapecoense, neste sábado, 10, às 16h, na Arena Condá em Chapecó válido pela nona rodada do Campeonato Catarinense.

“Vamos enfrentar o líder. Sabemos que vamos enfrentar um time que está na Série A, que está acima dos outros, tudo isso sabemos. Temos que ir lá e jogar, não podemos ter medo, a responsabilidade é da Chapecoense, temos que ir lá e fazer o nosso jogo.  Continuar da mesma maneira que estamos. São três jogos sem perder, jogamos contra times muito bons aí, conseguimos fazer bons jogos e é manter essa confiança que a rapaziada tá tendo, essa determinação, essa pegada para que possamos fazer um bom jogo e logicamente, dentro da filosofia se somar um ponto, ótimo. Mas vamos para tentar buscar um resultado melhor”, analisa Baier.

A semana de trabalho, para Baier, foi muito importante para a recuperação do elenco. “Essa semana foi ótima. Demos uma folga de domingo e segunda-feira para eles recuperarem totalmente e voltamos a trabalhar dia a dia. Dá para ver os jogadores mais soltos”, destaca Baier. O técnico prosperano não poderá contar com o atacante Daniel e o lateral esquerdo Diego Soares, suspensos. “Estamos vendo a melhor formação para termos um time bem competitivo”, comenta.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui.

 Para o comandante do Time da Raça, o elenco prosperano tem que estar motivado para um grande confronto. “Temos que ir lá, fazer nosso papel e fazer o melhor, cada um dentro do seu setor fazer o melhor, dentro da nossa estratégia”, afirma. “Motivação não tem melhor que jogar contra a Chapecoense, e jogar contra o líder, campo bom, motivação não precisa nem eu estar motivando, acho que eles têm que estar motivados, porque acho que todo mundo queria jogar esse jogo”, completa Baier.

 Atualmente, a equipe está na sétima colocação do Catarinense, com 11 pontos e para Baier o objetivo segue o mesmo: permanecer na elite do futebol catarinense. “O objetivo continua o mesmo. Não tem nada garantido ainda, tem três rodadas, nove pontos e muita coisa para acontecer ainda, mas temos que fazer o nosso, ponto a ponto”, finaliza o técnico do Esquadrão da Raça.

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.