Apresentado, agora é hora de colocar em prática o Plano de Desenvolvimento Socioeconômico

O projeto, elaborado pela Unesc, em parceria com o Centro Universitário Barriga Verde (Unibave), foi apresentado nesta sexta-feira, dia 5, na sede da Amrec

Agora, está nas mãos dos 12 prefeitos integrantes da Associação dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec) arregaçar as mangas e colocar em prática o Plano de Desenvolvimento Socioeconômico. O projeto, elaborado pela Unesc, em parceria com o Centro Universitário Barriga Verde (Unibave), foi apresentado nesta sexta-feira, dia 5, na sede da Amrec.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui.

“Hoje a universidade entrega este documento para nós e partir de agora, vamos colocar em prática em todos os municípios para que em conjunto, a Amrec seja uma grande região”, fala confiante o presidente da Amrec e prefeito de Orleans, Jorge Koch. A proposta é que na reunião do próximo dia 11 o assunto já seja colocado em pauta.

Ideia surgiu no auge da pandemia

A ideia de contratar a Unesc para nortear os municípios sobre um caminho pós- pandemia, surgiu em uma reunião entre os prefeitos, durante o auge de pacientes infectados pela Covid-19.

“Foi realizado o planejamento estratégico e compilado por meio de um documento, para sabermos os pontos fortes e negativos de nossa região. Tínhamos a ideia que no pós- pandemia algumas atividades iriam fracassar. Já outras iriam desenvolver cada vez mais. Era isso que estávamos preocupados. E, como fazemos parte de uma região, precisamos saber qual a cadeia produtiva do carvão, do plástico, do turismo e outros segmentos por meio de uma tecnicidade”, completa Jorge Koch.

Satisfação e expectativa pelos resultados

O ex-prefeito de Siderópolis, Hélio Cesa, o Alemão, disse estar emocionado em participar da entrega do Plano.  No qual, participou durante o último ano, e ver a sensibilidade dos atuais prefeitos em colocá-lo em execução. O que, segundo ele, é o mais importante.

“O que se espera é que aja resultado e que ele venha em forma de distribuição de riquezas, de formação de riquezas. Acredito que estamos no caminho certo. Tenho certeza de que o Plano contribuirá para o desenvolvimento dos municípios da Amrec”, aposta.

“Hoje, os municípios da região possuem um Plano e por meio dele sabem para onde ir e chegar. Agora, a sua execução deve ser com a participação de todos para viabilizar a reconversão econômica da região”, destaca o ex-prefeito de Içara, Murialdo Gastaldon.

Já o prefeito de Balneário Rincão, Jairo Celoy Custódio, disse que o documento veio de encontro daquilo que administração de Balneário Rincão pensava em 2017, quando assumiu a prefeitura. “Regionalizar e fortalecer o Rincão perante aos municípios da região. Então a proposta é de integrar e fortalecer os municípios com as características de cada um. A partir de agira vamos abrir este debate com todos os prefeitos juntos”, aposta.

O atual prefeito de Cocal de Sul, Fernando de Fáveri conta que acompanhou as discussões sobre o Plano no ano passado, de forma remota, quando estava como Secretário de Saúde, em Orleans. “Hoje chegar aqui na Amrec e ver todo esse trabalho pronto e entregue é muito importante para o desenvolvimento. Parabéns para aqueles que em plena adversidade pensaram num planejamento para o futuro”, finaliza.

Plano foi apresentado nesta tarde

Saiba quais os projetos estratégicos do Plano de Desenvolvimento Socioeconômico da Amrec

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo. Inscreva-se agora!

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.