Aprenda a fazer brinquedos artesanais circenses em casa

Os vídeos das aulas podem ser acessados no perfil @danikabarreto no Instagram

O projeto Oficinas Online de Artes Circenses foi aprovado pela Lei Federal de Emergência e Apoio Cultural Aldir Blanc, em edital da Fundação Cultural de Criciúma (FCC). O intuito é promover a interação entre pais e filhos por meio da produção de brinquedos artesanais circenses durante a pandemia causada pelo coronavírus. Os vídeos das aulas podem ser acessados no perfil @danikabarreto no Instagram.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui.

São cinco vídeos ensinando a fazer peças com itens de fácil acesso. “Não precisa comprar os materiais prontos. Eles podem ser feitos com coisas que a gente tem em casa”, destaca a proponente do projeto, Danika Barreto. A artista circense vê a iniciativa como uma brincadeira que traz muitos benefícios. “As atividades circenses são importantes para o desenvolvimento infantil, trabalhando isso de forma muito lúdica”, aposta ela.

Para o diretor de Turismo da Fundação Cultural de Criciúma, Ismail Ahmad Ismail, a oficina vem bem a calhar na pandemia. “Pois dá uma opção de atividade para as crianças que estão em confinamento. Além de ter a fonte de renda para o artista, também gera um produto para consumo da população”,considera.

A ação foi contemplada na categoria individual com o valor de R$ 3 mil. Foram 15 dias de gravação e edição de projeto. Até o momento, foram publicadas as aulas da produção de um pé de lata, argolas e um brinquedo chamado Swing Poi. As próximas aulas vão ser divulgadas ainda nesta semana.

Projetos concluídos da lei Aldir Blanc

Ao todo, já foram concluídos 40 projetos da lei Aldir Blanc no município. O restante dos contemplados, ainda precisam colocar as suas propostas em ação até o fim do ano. Foram 84 iniciativas apoiadas pela lei emergencial, que soma um investimento de R$1,4 milhão para a área cultural de Criciúma.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo. Inscreva-se agora!

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.