Anderson de Jesus – Confirmada volta de Moisés

O governador Carlos Moisés está de volta ao comando do Executivo de Santa Catarina. Ele foi absolvido (depende o ponto de vista, já que perdeu de 6 a 4), durante essa sexta-feira da acusação de crime de responsabilidade na compra dos 200 respiradores junto a empresa Veigamed. A famosa compra em que os equipamentos foram pagos de maneira antecipada e nunca foram entregues. Dos R$33 milhões, R$14 já foram recuperados. O placar no julgamento desta sexta se manteve o mesmo da primeira votação, aquela de analisou a admissibilidade. Foram 6 votos a 4. O processo foi relativamente rápido, com manifestações mais resumidas dos julgadores. Pouco depois da 13 horas o cenário se definiu. Ao dar seu voto favorável a Moisés, o petista Fabiano da Luz empatou o julgamento em 4 a 4. A partir deste momento o Moisés receberia no máximo seis votos, um menos que o necessário para afastá-lo definitivamente. Com a volta de Moisés, Daniela deve ser colocada no freezer e os seus secretários todos exonerados. O setor produtivo e político de Santa Catarina espera que esse seja o capítulo derradeiro da bagunçada novela política do Estado nos últimos dois anos. A instabilidade política nunca antes vivida em Santa Catarina só fez mal para a imagem do Estado, sempre observado como um dos mais organizados de toda a federação. 

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui.

Golpe baixo 

Deputada Federal Carla Zambelli, na tentativa de ajudar a vice- governadora, resolveu publicar no twitter o telefone pessoal dos deputados que integraram o Tribunal Especial. Queria a pressão dos eleitores contrários a Moisés para tirá-lo do Governo. Não funcionou e ainda pegou para a deputada paulista que resolveu se meter nas coisas de Santa Catarina.  

 

Revogado 

A Câmara de Vereadores de Içara vai revogar o reajuste de 160% nos valores do vale alimentação dos servidores do legislativo. O aumento, proposto por um projeto de resolução da mesa diretora, foi aprovado na última segunda-feira com apenas quatro votos contrários. A decisão de revogar o reajuste foi tomado após uma reunião realizada nesta quinta-feira. O encontro contou com a presença dos vereadores da base aliada e foi articulado pela prefeita Dalvania Cardoso. Tendência é que a revogação ocorra na próxima segunda-feira. 

 

Desgaste desnecessário 

A aprovação do aumento repercutiu negativamente no município de Içara e gerou manifestações da sociedade civil organizada. Na quarta-feira, o Observatório Social já havia encaminhado pedido ao Legislativo para que o aumento fosse reavaliado. No projeto a justificativa para o aumento era a necessidade de recuperação dos ganhos dos assessores da Casa, que tiveram os vencimentos reduzidos no início da legislatura passada. Outra justificativa foi de que o aumento de R$300 mil nos gastos anuais da Câmara seria um “impacto financeiro mínimo”. A argumentação não convenceu. A Câmara de Içara sai deste episódio com um desgaste desnecessário. 

 

Contra a fome 

Aliviar o sofrimento de quem mais precisa. Esse é o foco de uma campanha apresentada nesta sexta-feira pela CDL de Içara. O objetivo é arrecadar alimentos que serão transformados em cestas básicas e repassados para famílias carentes do município. “Sabemos que agora na pandemia a necessidade de socorro aos carentes aumentou bastante. Gente que nunca precisou de auxílio neste momento está tendo que recorrer à assistência. Queremos envolver a cidade nessa campanha para auxiliar quem precisa”, explica o presidente CDL Paulo Brígido. 

 

Em ajuste 

A campanha desenvolvida pela CDL terá a parceria da Associação Empresarial de Içara e da Paróquia São Donato. Toda a estrutura de coleta será divulgada a partir da próxima semana, mas a tendência é que cada entidade tenha seus pontos específicos de arrecadação. “A Igreja faz em suas comunidades, a CDL movimenta o comércio e a ACII a indústria. Também estamos pedindo para que a prefeitura envolva a Assistência Social para nos auxiliar nessa distribuição”, comenta Brígido. 

 

Canceladas 

Seguindo o mesmo protocolo adotado por outras cidades da região o Balneário Rincão confirmou nesta sexta-feira, o cancelamento da Festa da Tainha e da Julifest. São os dois principais eventos da chamada baixa temporada, mas que não poderão ocorrer porque não há segurança sanitária para isso. A esperança era de que chegaríamos em maio com uma boa parcela da população vacinada, mas isso não aconteceu. E com o número de casos ativos ainda em patamar elevado, não resta alternativa a não ser passar mais um ano sem festa. 

 

No cargo 

Suplente Edivanio Manentti já está empossado como vereador em Criciúma. Ele se mantém no cargo pelos próximos 60 dias. Primeiro suplente do PL, Edivanio assume a vaga do Pastor Jair Alexandre que se afastou do mandato por dois meses. 

 

Dividindo 

Cermoful vai dividir mais de R$ 1,6 milhão dos lucros com os associados. Os valores são parte do resultado referente ao exercício anterior, e será devolvido nas faturas de energia do mês de maio, com vencimento em junho, proporcional à participação financeira de cada associado no ano de 2020. A divisão foi aprovada na assembleia geral semipresencial realizada no dia 26 de março de 2021. 

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.