Adiada novamente a inauguração da escola estadual no bairro Tifa Martins

A data de inauguração da escola estadual que vem sendo construída no bairro Tifa Martins foi novamente adiada. A estrutura da obra deve ser concluída até o fim deste ano, com a finalização das tubulações de água e drenagens, colocação de material na área externa e acabamentos de pintura.
 
Outra pendência é a aquisição de mobiliário para a estrutura, que ainda não foi garantida. A Secretaria de Estado da Educação, no entanto, encaminhou para o setor jurídico do governo uma licitação no valor aproximado de R$ 22 milhões para compra de móveis. O recurso será investido em cerca de 50 unidades escolares de Santa Catarina que estão em processo de construção ou ampliação.
 
Além da escola estadual, o Cedup (Centro de Educação Profissional), de Guaramirim, será beneficiado com o repasse. A mobília, conforme a gerente de Educação da regional de Jaraguá do Sul, Cristina Poltronieri, também é um impasse para o início das atividades no local. A verba estimada para os equipamentos é de R$ 840 mil.
 
O Cedup deve ser entregue neste ano, mas Cristina acredita que não haverá tempo hábil para começar as aulas. Em ambas as instituições, a abertura de matrículas ficará para 2018.
 
A gerente comenta que é necessário, primeiramente, colocar os cursos disponibilizados pelo Estado em funcionamento para verificar quais serão os espaços livres antes de firmar parcerias com outras instituições, como o IFSC (Instituto Federal de Santa Catarina).
 
A escola estadual tinha prazo inicial de entrega em 2013 e já chegou aos R$ 7,3 milhões de investimento via recursos do Programa Pacto por Santa Catarina, Banco do Brasil e Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social. A estrutura conta com biblioteca, auditório, cinco laboratórios, 12 salas de aula, centro esportivo e cultural, refeitório e cozinha. Já o Cedup possui quatro salas de professores, cinco laboratórios, auditório, quadra e 12 salas de aulas, com recurso estimado em R$ 10,6 milhões. A construção está em andamento há seis anos.
 
Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.