Ação Agiliza: prefeitura amplia horário de atendimento no setor de Planejamento Urbano

Durante um mês, o setor estará atendendo nas segundas e terças-feiras, das 8 horas às 19 horas

Inicia nesta segunda-feira, dia 21, o novo programa do Governo de Criciúma: o Agiliza, para acelerar serviços e facilitar o atendimento da população no Centro de Planejamento Urbano. A proposta é ampliar o horário de funcionamento do setor nas segundas e terças-feiras, das 8 horas às 19 horas, durante um mês. Além disso, a ação de implantação da solução Aprova Digital vai permitir com que engenheiros e arquitetos emitam de maneira 100% on-line a licença de construção e a análise e aprovação de projetos arquitetônicos e hidrosanitários.

Entre em nosso grupo e receba as notícias no seu celular. Clique aqui.

“Queremos zerar o número de processos físicos em tramitação e migrar para o digital. Com isso, vamos economizar dinheiro público, garantir mais transparência e dar mais agilidade e celeridade e menos burocracia para quem busca esses serviços”, afirmou o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro.

Atualmente, o Centro de Planejamento, composto pelas já extintas Divisões de Planejamento Físico e Territorial (DPFT), de Parcelamento de Solo (DPS), de Fiscalização Urbana (DFU) e de Planejamento Urbano (DPU), possui 300 processos parados. “A maioria deles os profissionais da prefeitura já analisaram e estão aguardando o retorno dos requerentes. Por isso, decidimos ampliar o horário de atendimento e fazer um chamamento, porque pretendemos zerar essa lista física e começar a realizar de maneira 100% on-line gradativamente”, explicou o diretor de Desenvolvimento Econômico, Tecnologia e Inovação de Criciúma, Aldinei Potelecki.

Sistema digital

A prefeitura também está implantando a solução Aprova Digital, que pretende informatizar e tornar mais rápido a aprovação de obras, loteamentos, alvarás automáticos, de execução, de obras, de reforma e de demolição. Hoje, três desses processos já ocorrem de maneira 100% digital, por meio da plataforma.

“A nossa intenção é gradativamente ir disponibilizando outros serviços. Agora, estamos planejando uma capacitação com escritórios de engenharia, com o Sindicato das Indústrias da Construção e do Mobiliário de Criciúma (Sinduscon) e outros órgãos do município para treinar e orientar os profissionais”, conta o diretor da Tecnologia de Informação (TI), Tiago Ferro Pavan.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo. Inscreva-se agora!

Você também pode gostar

Entre no nosso grupo do WhatsApp e seja atualizado em tempo real.